segunda-feira, 4 de junho de 2007

- Eternamente -



Só mesmo o tempo pode revelar
O lado oculto das paixões
O que se foi e o que não passará
Inesquecíveis sensações
Que sempre vão ficar prá nos fazer lembrar
Dos sonhos, beijos, tan tos momentos bons
Só mesmo o tempo vai poder provar
A eternidade das canções
A nossa música está no ar
Emocionando corações
Pois tudo que é amor parece com você
Pense, lembre, nun ca vou te esquecer
Vou ter sempre você comigo
Nosso amor eu canto e cantarei
Você é tudo que eu amei na vida
Nunca vou te esquecer

2 comentários:

Gogodo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Peter Zen disse...

Certa vez eu aprendi com uma pessoa muito querida, um princípio que era mais ou menos assim:

"eu nunca vou deixar de amar quem já amei um dia."

Eu não entendi na hora, mas agora eu posso entender melhor e tomar para mim essas palavras para dizer que: nunca deixamos de gostar de quem um dia gostamos mais fortemente.

Como seu texto diz, a pessoa estará sempre conosco. :)

Beijossss